Matéria do dia

Sexta-feira começa a 18ª edição do Bacabal Folia

O evento inicia com Bell Marques, Durval Lelys e Dorgival Dantas na sexta-feira, dia 28 de julho na cidade de Bacabal (MA). Da redação do J...

Publicidade

Administração José Alberto Oliveira Veloso deve ser alvo de CPI na câmara de Bacabal

Zé Alberto deve ter mais que uma 
palma de bananas para descascar.
Usando como base prestação de contas feita pelo vereador Alberto Sobrinho (PRP), que usou a tribuna da câmara para anunciar que o deputado federal Alberto Filho (PMDB) carreou recursos para o município de Bacabal, na forma de emenda parlamentar, na ordem de 27 milhões de reais no exercício dos seus dois mandatos, o vereador Melquíades Neto (PMDB), 1º vice-presidente do poder legislativo bacabalense, sugeriu a seus pares a abertura de uma comissão parlamentar de inquérito (CPI) para apurar como esse  montante foi aplicado pelo pai do deputado federal, o ex-prefeito José Alberto Oliveira Veloso (PRB).

Melquíades Neto, também usando a tribuna da câmara, lembrando a prestação de contas feita pelo vereador Alberto Sobrinho com relação às emendas trazidas para o município pelo deputado Alberto Filho, denunciou que as planilhas apresentadas sobre estradas vicinais apresentam valores muito altos, e que as estradas não foram concluídas, citando como exemplo as estradas que cortam os povoados Lagoa e do Centro dos Tomés, além de uma ponte em Lagoa.

O objetivo do parlamentar peemedebista  com a realização da investigação na gestão do ex-prefeito José Alberto Veloso é saber para onde esses recursos foram destinados.

Ele garantiu que 'para a construção da ponte da Lagoa foram destinados 165 mil reais, para a estrada do Centro dos Tomés 51 mil reais e para estrada da Lagoa mais 57 mil reais – portanto mais de 300 mil reais -, e ninguém fala se vai construir, ou se esses valores foram destinados para outras localidades e que ele gostaria de saber se essas emendas estão dentro do contexto que levantou o vereador Reginaldo do posto: de pai para filho.'

No mesmo contexto o vereador inseriu as estradas que servem ao povoados Bom Princípio, Catucá e Encruzilhada que 'receberam mais de 400 mil reais e ninguém sabe para onde foi o dinheiro.' Citando que o Brasil está sendo passado a limpo e conclamando os colegas a abrir a comissão de investigação.

Emendas Alberto Filho
O vereador Alberto Sobrinho revelou da tribuna da câmara que 'o deputado federal Alberto Filho trouxe para o município de Bacabal, via emenda parlamentar, de 2012 até os dias de hoje, mais de 27 milhões de reais, enumerando: 1 milhão de reais para a implantação do Corpo de Bombeiros, 2 milhões de reais para a construção da Praça da Juventude, 1 milhão de reais para recapeamento asfáltico em 2014, 500 mil reais para Unidades Básicas de Saúde em 2014, 351 mil reais para equipamentos de Unidades Básicas de Saúde em 2014, 3 milhões de reais para pavimentação asfáltica em 2015, 500 mil reais para aquisição de motoniveladora, 500 mil reais para aquisição de patrulha mecanizada em 2015, 500 mil reais para incremento do PAB, 500 mil reais para incremento na MAQ, 200 mil reais para equipamentos de Unidade Especializada de Saúde, 359 mil reais para equipamentos de Unidade Básica de Saúde, 800 mil reais para equipamentos de Unidade Básica de Saúde, 1 milhão de reais para pavimentação asfáltica, 750 mil reais para a construção de açudes, 700 mil reais para estradas vicinais, 6 milhões de reais de acréscimo no PAB e na MAQ, 4 milhões de reais para a construção de uma UPA tipo 3, 3 milhões e 200 mil reais na gestão política na liberação financeira junto ao FNDE destinado para a construção de creches e pré-escolas, 200 mil reais para equipamentos em atenção especializada para o CAPS II, 337 mil reais para a aquisição de equipamentos de atenção básica para os centros de saúde da Vila Coelho dias e do bairro Satuba, 286 mil reais para a aquisição de equipamentos de atenção básica para os centros de saúde Irineu Nogueira, centro de saúde do Centro da cidade e centro de saúde do Bairro da Areia, 29 mil reais para a aquisição de equipamentos de atenção básica para o centro de saúde da Vila Santos Dumont, 140 reais para a aquisição de equipamentos de atenção básica para os centros de saúde dos povoados Vila Nova e São José das Verdades e mais 220 mil reais para a aquisição de equipamentos de atenção básica para o centro de saúde da Vila Santos Dumont.

Ao concluir sua exposição Sobrinho garantiu que 'o pior cego é aquele que não quer enxergar.'