Sessão Ordinária na Câmara marca o início dos trabalhos no parlamento bacabalense. - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Roberto Costa entrega cestas básicas no Codozinho

  O deputado Roberto Costa deu continuidade às ações de entrega de cestas básicas e dessa vez ele esteve junto à comunidade do Codozinho, ac...

Portal da Poesia


Portal da Poesia Condenação

Recém saído da puérpera solidão da embriaguez decido:
Aceito as penas que me são impostas.
Não recorrerei da minha condenação.
Serei sacro,
Nunca santo,
Recebo o clausuro que me impuseram.

Claustro e disforme vomitarei as brenhas do tempo.

Se me vergastarem,
Receberei o meu açoite.

Natibundo engulo o celibato que me amealha,
Sucumbo ao esterco dos desejos de Onam.

Se me admoestam,
Afago os sonhos, que são muitos,
Com o desdém da quiromania do passado.

Não choro, não retrocedo, apenas multiplico,
Estendo a ti a minha sentença.

Seremos comparsas coniventes da tua imposição,
tu juíza,
Eu réu, sem direito a absolvição.

Abel Carvalho

Sessão Ordinária na Câmara marca o início dos trabalhos no parlamento bacabalense.

Share This

Ascom câmara, com redação e fotos de Wanderson Ricardo - Foi realizada na tarde desta quarta-feira, 17, no Plenário Jocimar Alves de Sousa, a primeira sessão ordinária de 2021 na câmara de vereadores de Bacabal. A abertura do ano legislativo contou com a presença de 15 dos 17 vereadores. Reginaldo do Posto (PDT) e Melquiades Neto (MDB) por motivos superiores, não puderam participar de sessão.
Os trabalhos foram declarados abertos pelo presidente da Casa, vereador Manuel da Concórdia (PDT) ladeado do primeiro-secretário Professor Markim (PSC) e do vice-presdiente Alberto Sobrinho (PSC) em substituição ao segundo-secretário Reginaldo do Posto (PDT). O clima de boas-vindas foi soberano em todos os pronunciamentos e a cada discurso, os votos de compromisso e fidelidade para com o cargo de vereador eram evidenciados. Natália Duda (MDB) e Regilda Santos (PL) são as duas únicas mulheres a comporem o parlamento bacabalense. Dedê da Tresidela (PSC) e Feitosa (Solidariedade) que na legislatura passada assumiram por alguns meses o cargo na condição de suplentes, agora ocupam a vaga em caráter definitivo até 2024. Já Anderson Viana (PL); Valdivan da Bela Vista (PDT); Professor Gusmão (Solidariedade); Professor Markim (PSC); Fernando da Luziana (PDT); Mauricio Silva (PROS) foram de fato os estreantes ao cargo de vereador. Em pauta as proposições que levaram os edis a uma longa discussão, foram concernentes a recuperação da Ponte Metálica e a reforma do Estádio Correão. Ambas as proposições de autoria do vereador Venâncio do Peixe (PDT).
O presidente da câmara, Manuel da Concórdia (PDT), destacou a importância do papel decisivo de cada vereador em corresponder positivamente os anseios da população. Disse ainda, que a sua filosofia de trabalho está acima das questões políticas partidárias, onde sua maior prioridade é representar a população de Bacabal buscando as melhorias que são necessárias.
Sobre os trabalhos da câmara, Concórdia destacou sua preocupação com o fechamento da Agencia do Banco do Brasil localizada na Rua Teixeira Mendes, que gerou uma visita no último dia 4 de fevereiro, ao superintende regional do Banco do Brasil no Maranhão, José Soares de Oliveira Neto, em São Luís, onde em conjunto com uma comitiva de vereadores e deputados, tratou da questão e solicitou que o superintende viesse a Bacabal para ver de perto a realidade do Banco. “Fomos até o superintendente do Banco do Brasil e cobramos a visita dele em Bacabal pra sentir a verdadeira realidade de Bacabal quanto ao atendimento bancário. Portanto, a visita está agendada pra amanhã por volta dás 10h em nossa cidade. Certamente, iremos continuar fazendo nossa parte nesta luta pra que a agência da Teixeira Mendes continue aberta”, afirmou Concórdia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad