Sobre o Autor - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Mais 03 mortes por Covid-19 em Bacabal.

Portal da Poesia


Portal da Poesia Condenação

Recém saído da puérpera solidão da embriaguez decido:
Aceito as penas que me são impostas
Não recorrerei da minha condenação
Serei sacro,
Nunca santo,
Recebo o clausuro que me impuseram.

Claustro e disforme vomitarei as brenhas do tempo.

Se me vergastarem,
Receberei o meu açoite.

Natibundo engulo o celibato que me amealha,
Sucumbo ao esterco dos desejos de Onam.

Se me admoestam,
Afago os sonhos, que são muitos,
Com o desdém da quiromania do passado.

Não choro, não retrocedo, apenas multiplico,
Estendo a ti a minha sentença.

Seremos comparsas coniventes da tua imposição,
Tu Juiz,
Eu réu, sem direito a absolvição.

Abel Carvalho

Sobre o Autor

O jornalista Francisco Abel Morais de Carvalho nasceu em 03 de dezembro de 1.958, em Bacabal. É o terceiro filho da professora Nair Cordeiro de Morais Carvalho e do carpinteiro Benjamin Soares de Carvalho, tendo como irmãos a assistente social Vera Lúcia Morais de Carvalho, o advogado Antônio Augusto Morais e a psicologa Andreza Naarah Morais de Carvalho.

Construiu toda a sua infância em Bacabal, apenas com algumas pequenas passagens – finais de semanas e curtos períodos de férias – em São Luís. Viveu esse período cercado por familiares e por muitos colegas e amigos. Já a essa época seus pais traçaram como meta prioritária para a sua vida os estudos. Da mesma forma se desenvolveu sua adolescência, entre idas e vindas para São Luís, aonde estou durante alguns anos e acabou cursando a faculdade.

Aficionado pela profissão costuma, dizer que o seu lazer é o seu trabalho. Além de escrever profissionalmente, também é poeta, compositor e produtor cultural. É pai de seis filhos: Hugo Leonnardo Oliveira de Carvalho, Lícia Gabriella Oliveira de Carvalho, Vítor Raffael Oliveira de Carvalho, Eduardo Fellipe Oliveira de Carvalho, Yago Augusto Castro de Carvalho e Vera Luiza Castro de Carvalho.

Já prestou serviços para a TV Comunicar e Visão Comunicação LTDA. (TV Difusora - Bacabal), como diretor de jornalismo e para o Sistema Mirante de Comunicação, onde atuou como correspondente em Bacabal enviando matérias jornalísticas para o Portal Imirante e para o Jornal O Estado do Maranhão, além da Rádio FM Novo Maranhão LTDA. (Mirante FM - Bacabal) e para a TV Maranhão Central (Globo - Santa Inês) como gerente do departamento de jornalismo. Também prestou serviços para o jornal O Imparcial (São Luís), Revista Impacto (São Luís), Jornal O Debate (São Luís), Revista Projeção do Nordeste (São Luís) e Jornal Diário do Norte como correspondente em Bacabal. começou sua profissão no Jornal de Bacabal, sucursal do Jornal de Hoje (São Luis) com o jornalista Aluísio Farias de Paiva.

Um comentário:

  1. Amigo Abel. Soube do falecimento de sua mãe. Só peço a Deus pra te dar o conforto e força pra superar essa dor.
    Bacabal toda conheceu D. Nair e sabe que foi uma guerreira.
    Do amigo Neto.
    Para os de longa data: Batorė.
    Que Deus te ilumine e guie sempre.

    ResponderExcluir

Post Bottom Ad