Depois da Lua Azul, a Superlua de agosto - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Rogério Alves: Especialista em WhatSapp

Rogério Alves, advogado -  Em tempos de Google para tudo e WhatsApp como meio de informação (o fuxico virou notícia) todo mundo virou es...

Portal da Poesia


Portal da Poesia Sem fim

Antes o amor me brindava em cores
Uma
Duas
Três noites de amores
Tom e dom de dissabores
Glória e rito sem valores
Noites
Dias
Um tempo sem fim

Havia
Então
O dia em que vivia
O tempo
A regra
Uma agonia
Valores
Cores do sem fim

Antes
Ontem
Nem te via
Hoje guias
Meu rumo e meu destino
Reclino
Declino e me afasto
Faço lastro
Na riqueza do sem fim

Enfim
no fim te vejo
Te beijo
Te amo
E te desejo
Revejo
Planejo viver contigo
apenas
Um longo dia sem fim.

Abel Carvalho

Depois da Lua Azul, a Superlua de agosto

Share This
Crédito: Cássio Barbosa/Arquivo Pessoal
Hoje, Dia 29, começa a temporada de Superluas do ano, mas você sabe o que é uma Superlua?
A órbita da Lua é uma elipse um tanto ovalada, de modo que a menor distância até a Terra (chamada de perigeu) é bem diferente da maior distância (chamada de apogeu). O perigeu da Lua se dá por volta de 362.600 km da Terra e o apogeu, na média, por volta de 405.400 km.
A Superlua acontece, tecnicamente, quando ocorre uma Lua Cheia no período entre 24 horas antes ou depois da Lua atingir o perigeu de sua órbita. Isso acontecerá três vezes nesse ano de 2015, em agosto, setembro e outubro.
A primeira Superlua, que tem o nome oficial de Lua do perigeu-sizígia, acontecerá amanhã, dia 29. A Lua atinge sua fase de cheia 20 horas antes do perigeu, o que a faz uma quase ‘Mini-Super’ Lua.
Toda vez que a Lua fica cheia perto do perigeu, ela parece 14% maior e até 30% mais brilhante. A diferença de tamanho não é tão perceptível, pois quando ela está alta no céu, não há nenhuma estrutura para comparação. Já a diferença de brilho é mais fácil de se notar.
Esse evento é um daqueles que não precisam de instrumento para apreciar, basta ir para um local aberto e olhar para a Lua.
Em outubro, dia 26, ocorre a menos interessante das 3 Superluas por que a Lua Cheia ocorre 23 horas depois do perigeu, mas a de setembro será sensacional! A Lua cheia ocorrerá apenas 1 hora após o perigeu e de quebra haverá um eclipse lunar.
O perigeu acontece às 22:47 do dia 27 de setembro, enquanto o ápice do eclipse ocorrerá às 23:47. Será um grande espetáculo, com a Lua avermelhada pelo eclipse, ela vai parecer maior e mais brilhante que o usual. Sobre esse evento falarei mais adiante, mas por ora, vamos “treinando” com a Superlua de sábado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad