Digitalizar Já: Servidores dos polos de Itapecuru e Chapadinha recebem treinamento em digitalização de processos - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Povoado Bom Princípio ganha ambulância e UBS revitalizada

  Assecom Bacabal, com redação e fotoels de Wanderson Ricardo - A Prefeitura de Bacabal por meio da secretaria Municipal de Saúde, dando co...

Portal da Poesia


Portal da Poesia Opus 60: Ode a canção do fim.

Não sei quantos favores te devo,
Me embeveço ao ver o quanto me fiz infeliz.
Mas, ainda haveremos de nos encontrar,
Ainda há tempo, minha vida ainda será tocada em cifras,
Canções que, bem sei, nunca quis.

Ainda advirão em anos muitas estrofes,
Não tantas quantas até hoje construir.

Ouço as vozes do vento, que me plange, sussurrando,
O tempo fustigando, o frio fim chegando,
A noite gélida acoitando o tempo que me resta,
A madrugada encardida e vermelha a espera
Do brilho de um sol que nunca vem, nem mesmo virá um dia.

Vejo, como um zumbi, o crepitar da tumba de um passado
Cada vez mais distante, já não sinto as mesmas coisas como antes,
Já não espero para mim ressurreição,
Apenas o golpe forte da morte, da falta de sorte,
Por vê o limiar de um amor final que jamais poderei entrar,
Alcançar, viver ou mesmo sonhar, mesmo estando tão perto,
E ao alcance das minhas próprias mãos.

Não tenho, no tempo que me resta, nem a centelha
E nem o fogo necessários, as responsabilidades se impõem
As vãs necessidades, as dores se impõem aos amores,
Os valores me consomem noites sem fim.

Sou, bem sei, apenas o espectro do que já fui um dia,
Um náufrago percorrendo a noite carcomida do passado,
De um mar de acoites e tormentas,
Breve alusão à data 60,
Opus,
Ode,
Canção do início do fim.

Abel Carvalho

Digitalizar Já: Servidores dos polos de Itapecuru e Chapadinha recebem treinamento em digitalização de processos

Share This
Servidores participaram de treinamento em Itapecuru
Assecom Corregedoria Justiça - Nestas terça-feira(24) e quarta-feira (25), secretários judiciais titulares e substitutos dos polos judiciais de Itapecuru Mirim e Chapadinha participaram do treinamento em digitalização de processos físicos, promovido pela Corregedoria Geral da Justiça (CGJ-MA). A capacitação foi realizada no Instituto Federal do Maranhão (IFMA Campus Itapecuru Mirim), com a presença do corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva, da juíza Mirella Cezar Freitas (2ª Vara) e outras autoridades da comarca.
Participaram do treinamento servidores das comarcas de Itapecuru Mirim, Chapadinha, Anajatuba, Arari, Barreirinhas, Cantanhede, Humberto de Campos, Icatu, Morros, Guimarães, Santa Rita, Araioses, Vargem Grande, Buriti, Magalhães de Almeida, São Bernardo, Tutóia e Urbano Santos.
A capacitação está sendo levada pela Corregedoria a diversas comarcas, com o objetivo de ampliar o procedimento de virtualização dos processos físicos em tramitação na Justiça de 1º Grau, para que sejam migrados e passem a tramitar exclusivamente por meio do sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe), conferindo maior agilidade e celeridade.
O treinamento foi realizado pelas servidoras Thaís Muniz e Karliane Fontenele, com estrutura disponibilizada pelo Tribunal de Justiça, e orientou os servidores sobre os procedimentos teóricos e práticos para a digitalização de processos físicos, passando pela seleção dos autos físicos, preparação de caixas, digitalização dos documentos, procedimentos de sistema e migração para o sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe). A migração permite que juízes, servidores, advogados e partes tenham acesso facilitado aos autos do processo judicial, com a realização de atos, despachos, pedidos e consultas por meio do sistema PJe.
Para a juíza Mirella Cézar Freitas, receber na Comarca de Itapecuru Mirim o projeto Digitalizar Já representa mais um avanço para a melhoria da prestação jurisdicional, pois a virtualização dos processos em tramitação torna a resposta do Poder judiciário mais eficiente, célere e adaptada à realidade, eliminando atos burocráticos como juntadas, e canalizando a força de trabalho para os atos que realmente impactam na vida do jurisdicionado. “O treinamento trouxe um ânimo aos servidores que se dedicaram com afinco diante da possibilidade de proporcionar mais agilidade nos atos processuais, melhor atendimento às partes, desobstrução do ambiente de trabalho e diminuição de custos com materiais de expediente”, avaliou.
Na ocasião, o desembargador Marcelo Carvalho Silva falou aos servidores sobre os objetivos do projeto “Digitalizar Já”, que busca ampliar a virtualização de processos no âmbito da Justiça maranhense sem elevação de custos, por meio de cooperações, atuação do pessoal do quadro e contribuição de advogados. Ele frisou que, além de representar um ganho para a sociedade, a virtualização facilita o trabalho de juízes e servidores, que deixam de manusear processos em papel e podem ampliar o teletrabalho, gerando benefícios em diversos aspectos como saúde dos servidores, modernização e celeridade processual. “O esforço dos servidores que estão participando desse trabalho deve ser reconhecido pelo Poder Judiciário, tendo em vista a contribuição para a melhoria dos serviços prestados”, observou.

VIRTUALIZAÇÃO
O projeto “Digitalizar Já” foi instituído pelo Poder Judiciário por meio das Portarias Conjuntas N° 15/2019 e N° 16/2019, assinadas pelo presidente do TJMA, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, e pelo corregedor-geral da Justiça.
Em São Luís, foi instalada no mês de setembro a Central de Digitalização de Processos do Fórum Des. Sarney Costa (Calhau), que conta com o trabalho de 45 servidores, e objetiva digitalizar e migrar os processos em tramitação não julgados, iniciando pelo acervo físico das varas cíveis – aproximadamente 10.500 processos.
Por todo o estado, diversas comarcas já aderiram ao projeto e estão atuando na virtualização dos seus acervos físicos, a exemplo das comarcas de Bacabal, Pedreiras, Santa Luzia, Pinheiro, Vitorino Freire, Colinas, Santa Inês, São João Batista, Santa Luzia, Guimarães, Araioses, Timon, entre outras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad