Virtualização: Judiciário e Polícia Militar firmam cooperação para ampliação da digitalização de processos - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Em Bacabal trabalhadores da educação começaram a ser vacinados hoje, 20 de abril

Assecom Bacabal, com redação de Louremar Fernandes e fotos de Melquisedeque Morais - A Prefeitura de Bacabal começou hoje a vacinação dos t...

Portal da Poesia


Portal da Poesia ...

Porque tudo morre?
Porque existe a morte.
Porque existe a morte?
A morte não existe,
A morte é o fim.
A morte é o mais pleno,
Absurdo e absoluto
Poder da ausência.

Abel Carvalho

Virtualização: Judiciário e Polícia Militar firmam cooperação para ampliação da digitalização de processos

Share This
Comunicação Social do TJMa - Na manhã desta segunda-feira (9), o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão, desembargador Joaquim Figueiredo, o corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva, e o comandante da Polícia Militar do Maranhão, coronel Ismael de Souza Fonseca, assinaram Termo de Cooperação Técnica para autorizar a participação de agentes da PM no projeto de Digitalização de Processos do Poder Judiciário.
De acordo com o Termo, a PMMA se compromete a disponibilizar pessoal para atuação conjunta com a CGJ-MA na realização dos trabalhos de digitalização de processos na Central de Digitalização e Migração de Processos Físicos, por meio de cooperação mútua, sem quaisquer remunerações ou transferências voluntárias de recursos.
Na ocasião, o presidente do TJ ressaltou que a medida considera a atual situação de dificuldades orçamentárias do Estado do Maranhão, buscando alternativas que contribuam com a máxima efetividade do princípio constitucional da eficiência. Ele ressaltou ainda que a virtualização é uma exigência do Conselho Nacional de Justiça, tendo em vista a modernização dos serviços oferecidos à sociedade. “Com medidas como essa buscamos garantir uma boa gestão, racionalizando custos para que tenhamos serviços melhores mesmo diante das dificuldades”, frisou o desembargador.
O corregedor-geral, desembargador Marcelo Carvalho, lembrou que a parceria com a PMMA seguiu o modelo da iniciativa do Piauí nesse sentido, com a disponibilização de agentes para realização do procedimento de digitalização. “Temos muito respeito pela corporação e agradecemos essa disponibilização que vai contribuir muito com o avanço da nossa virtualização”, falou.
O coronel Ismael de Souza, comandante da Polícia Militar do Maranhão, afirmou concordar com o pensamento de buscar otimização dos recursos públicos humanos e materiais em benefício da sociedade. “É uma união de esforços entre Polícia e Judiciário que visa ao bem da sociedade, com a melhoria da qualidade de serviços prestados”, assinalou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad