Vereador Reginaldo do Posto presta homenagem a Enedina Cunha Silva, antiga moradora do povoado Alto Alegre do Acelino - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Em Bacabal trabalhadores da educação começaram a ser vacinados hoje, 20 de abril

Assecom Bacabal, com redação de Louremar Fernandes e fotos de Melquisedeque Morais - A Prefeitura de Bacabal começou hoje a vacinação dos t...

Portal da Poesia


Portal da Poesia ...

Porque tudo morre?
Porque existe a morte.
Porque existe a morte?
A morte não existe,
A morte é o fim.
A morte é o mais pleno,
Absurdo e absoluto
Poder da ausência.

Abel Carvalho

Vereador Reginaldo do Posto presta homenagem a Enedina Cunha Silva, antiga moradora do povoado Alto Alegre do Acelino

Share This
Assecom Câmara, com redação de Abel Carvalho e fotos de Wanderson Ricardo - A Câmara Municipal aprovou, durante realização de sua última sessão ordinária, Projeto de Lei de autoria do vereador Reginaldo do Posto (PDT), dando o nome da parteira Enedina Cunha Silva, a Unidade Básica de Saúde (UBS) que o governo Edvan Brandão está construindo no povoado Alto Alegre do Acelino, uma das importantes comunidades rurais de Bacabal.
A votação alcançou a unanimidade, e a proposição do pedetista teve os interstícios da Lei quebrados a pedido dos vereadores Professor Markim (PSC) e Serafim Reis (MDB).

Quem foi...
Para justificar seu projeto Reginaldo do Posto mostrou que, "sobre Enedina Cunha da Silva passo a narrar, na íntegra e mantendo suas características naturais, depoimento que colhi com minha amiga Francisca Alves dos Santos, outra grande mulher daquela rica comunidade: - Enedina Silva da Cunha, casada com Adalberto Xavier da Conceição, ‘chegaram’ em Alto Alegre do Acelino no ano de 54. Vinha da cidade do ‘Piauí’ em busca de uma vida melhor. Enedina teve 08 filhos que residem ainda nessa comunidade. Ela era uma mulher humilde com uma grande riqueza, o ‘dom e sabedoria’ de fazer partos nas mulheres das décadas de 60, 70 e 80. Era a única parteira da ‘regional’ de Alto Alegre do Acelino. Apesar de analfabeta tinha uma ‘educação e um ‘conhecimento’ ‘medicinais’. Chegou a fazer curso na cidade de Bacabal. Enedina era abençoada, nas suas ações colocava Deus em primeiro Lugar. Quando uma mulher estava em perigo chamava logo a família para levar para a cidade, pois chegar ‘na’ cidade de Bacabal era muito difícil. Quando no parto ‘ocorria’ tudo bem Enedina ‘partia’ para sua família, mas deixava os medicamentos ‘tudo’ preparados, era ‘chamado’ de ‘garrafada’. O que é mais bonito dessa história é que ela não aceitava pagamento. Todas as crianças daquela época ‘chamava era’ Mãe Enedina e os pais eram compadres e comadres. Enedina foi uma grande mulher que contribuiu muito com a nossa comunidade com essa grande coragem de ‘contribuir’ com as crianças para ‘vim’ ao mundo. Uma parteira valente, guerreira e corajosa. Ela ‘veio a falecer’ com 73 anos de uma AVC. Não ‘temos’ mais informações, pois os filhos não têm mais nada, nem mesmo a data de nascimento daquela mulher que deixou um grande legado na comunidade de Alto Alegre do Acelino. Eu, Francisca Alves dos Santos, fiz esse resgate desta história extraordinária de Enedina Silva Cunha".
Finalizou arguindo que, "sem dúvidas, a transcrição, mostra que esse potente ser humano deixou um vasto legado, além de ter levado consigo a graça de ter cumprido a sua missão".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad