Com articulação do vereador Venâncio do Peixe avançam as ações para a instalação do 1º galpão de reciclagem de Bacabal - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Covid-19: 370 mortes em Bacabal.

Portal da Poesia


Portal da Poesia Não sei

Quantas vezes terei que sonhar
Por quanto tempo ainda seguirei
Quantos anos a vida ainda me reserva
Não sei

Não sou tempo
Não sou centro
Sou apenas momento
Início
Meio
Fim

Se ontem sorrir contigo
Hoje te fiz sorrir
Mas antes te fiz infeliz

Vejo teus braços que me abraçam
Sinto teus beijos que me beijam
Sonho teu sonho que não quis

E vivo teu vício a cada noite
Com o açoite do sono que não vem

Brenham horas
Sonhos
Dias
Foge a paz que tu querias
Morre o tédio
Sob a guia
Sossega a ira na fotografia
Meio dia que eu queria
Mas que tu nunca quis

Não sei

Abel Carvalho

Com articulação do vereador Venâncio do Peixe avançam as ações para a instalação do 1º galpão de reciclagem de Bacabal

Share This


Com o decisivo apoio da prefeitura municipal de Bacabal, através da secretaria de meio ambiente (Semmam) e do governo do Estado do Maranhão, via secretaria de trabalho e economia solitária (Setres), sob a articulação do vereador Venâncio do Peixe (PDT) a Associação de Catadores de Materiais Recicláveis do Município de Bacabal avança nas ações desenvolvidas para a implantação do primeiro galpão de reciclagem da cidade.
No início da semana o subsecretário da Setres, Genílson Alves, esteve em Bacabal, e, na companhia de Venâncio do Peixe, promoveu visita ao galpão alugado pela prefeitura, local no qual serão instalados os equipamentos de reciclagem. Genílson aproveitou a estada para concluir a entrega dos cartões do auxílio emergencial pago pelo Estado e anunciou a chegada dos equipamentos, para ontem, sexta-feira, 11 de junho, assim como a entrega de mais cestas básicas.




E não houve nenhum tipo de atraso. Ontem mesmo os equipamentos chegaram a Bacabal e foram entregues a Associação de Catadores pelo subsecretário, sob o testemunho do secretário da Semmam, Walber Neto, para  alegria de Venâncio, que agora exorta aos integrantes da entidade a darem o último passo, que é a montagem dos equipamentos.


O galpão de reciclagem servirá para armazenar todo o o lixo seco recolhido pelos catadores durante a coleta seletiva. No galpão o, lixo sera separado e encaminhado para empresas de reciclagem. O dinheiro obtido pela venda do material será dividido entre os integrantes da associação. O trabalho dos catadores consiste na separação do lixo seco e reciclável, papel, embalagens longa vida, latinhas e metais, plástico e vidro.



Para executar esse trabalho os catadores receberam ontem, graças a intervenção do vereador bacabalense, esteira, balança, carrinho, prensa e saco de empacotar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad