Matéria do dia

Deputado Roberto Costa participa do lançamento da Caravana ID Jovem

O deputado estadual Roberto Costa(PMDB) participou ontem, quarta-feira, 26, juntamente com o Secretário Nacional de Juventude Assis Filh...

Publicidade

Deputado Roberto Costa volta a denunciar desmandos na gestão Zé Vieira

Nice Moraes
Agência Assembleia


O deputado Roberto Costa (PMDB) voltou à tribuna na sessão desta quarta-feira (10), para denunciar os desmandos que estariam ocorrendo na cidade de Bacabal.

"Não se vê o prefeito Zé Vieira em nenhum bairro e nem na prefeitura. A única pessoa que comanda o município, sem ter legitimidade, é a primeira Dama Patrícia Vieira”, afirmou Roberto Costa.

Segundo o deputado, a escola que funcionava em um prédio doado pela igreja católica - que atendia cerca de 120 alunos da comunidade Trizidela - foi fechada, por que a diretora Diana foi demitida por Patrícia Vieira.

Roberto Costa disse que a Comunidade da Trizidela é um bairro humilde, mas de pessoas trabalhadoras e que merecem todo o respeito.

“Ela tem uma mania terrível de perseguição, até por ter sido rejeitada em duas eleições na cidade de Bacabal. Dona Patrícia Vieira, por perseguição, colocou agora uma posição radical de não aceitar na escola a professora Diana, por uma questão pessoal.”, acentuou Roberto Costa, afirmando que membros da comunidade tentaram conversar com Zé Vieira, mas não conseguiram.

Cidade Abandonada
Após a denúncia feita por Roberto Costa na sessão de ontem, o prefeito Zé Vieira apareceu ontem e disse que hoje iria à televisão para defender a sua esposa. O deputado afirmou que em nenhum momento fez ataques à Patrícia Vieira de forma pessoal. Também disse que se o Zé Vieira quer fazer algo pela cidade, deve esquecer a família dele e começar a pensar no povo de Bacabal que está completamente abandonado.

“Essas crianças não têm hoje onde ficar, pois os seus pais vão trabalhar. Mas, Dona Patrícia ainda se faz de vítima ao dizer que está sendo atingida como mulher. A senhora não está sendo atingida como mulher; na verdade, a senhora é a verdadeira carrasca dessas mães bacabalenses, dessas mulheres que agora estão desamparadas sem saber onde colocar os seus filhos. E o seu Zé Vieira, em vez de defender a sua mulher, que ele procure ir ver a realidade das comunidades de Bacabal”, afirmou o deputado.

Ao finalizar Roberto Costa solicitou que o prefeito procure fazer o que o povo espera, que é o trabalho, são as obras públicas, são os investimentos na educação, para que as crianças não fiquem fora da sala de aula. Disse ainda que não vai se acovardar e que não tem medo de ameaça.

“Nós não vamos admitir que o dinheiro da prefeitura seja usado só para a família Florêncio, que recebe trezentos mil de um aluguel de um prédio que não vale cinquenta mil. Então, dona Patrícia Vieira, seu Zé Vieira, eu não tenho medo de grito, eu não tenho medo de ameaça. Se continuarem maltratando o povo de Bacabal, continuaremos aqui desta tribuna e em Bacabal defendendo os interesses da população, porque essa é nossa obrigação como representante legal do povo de Bacabal”, sentenciou Roberto Costa.