Virtualização: Servidores de 17 comarcas do sul do estado passam por treinamento do projeto ‘Digitalizar Já’ - Abel Carvalho

Matéria do Dia

Covid-19: 370 mortes em Bacabal.

Portal da Poesia


Portal da Poesia Não sei

Quantas vezes terei que sonhar
Por quanto tempo ainda seguirei
Quantos anos a vida ainda me reserva
Não sei

Não sou tempo
Não sou centro
Sou apenas momento
Início
Meio
Fim

Se ontem sorrir contigo
Hoje te fiz sorrir
Mas antes te fiz infeliz

Vejo teus braços que me abraçam
Sinto teus beijos que me beijam
Sonho teu sonho que não quis

E vivo teu vício a cada noite
Com o açoite do sono que não vem

Brenham horas
Sonhos
Dias
Foge a paz que tu querias
Morre o tédio
Sob a guia
Sossega a ira na fotografia
Meio dia que eu queria
Mas que tu nunca quis

Não sei

Abel Carvalho

Virtualização: Servidores de 17 comarcas do sul do estado passam por treinamento do projeto ‘Digitalizar Já’

Share This
Treinamento foi realizado no Fórum de Estreito, para servidores de comarcas do sul do Estado
Assecom Corregedoria Justiça - A Corregedoria Geral da Justiça (CGJ-MA) realizou, nas últimas quinta-feira (5) e sexta-feira (6), mais uma etapa do treinamento sobre digitalização de processos para secretários judiciais de comarcas do interior. Ao todo, 81 secretários judiciais e substitutos de 17 comarcas dos polos judicial de Imperatriz e Balsas receberam a capacitação, com o objetivo de ampliar a virtualização de processos físicos nas unidades judiciais de 1º Grau. Por videoconferência, os membros da Mesa Diretora do Judiciário, desembargadores Joaquim Figueiredo (presidente), Lourival Serejo (vice-presidente) e Marcelo Carvalho (corregedor-geral), conversaram com os servidores e frisaram os objetivos da virtualização.
Para o polo de Imperatriz, o treinamento aconteceu na quinta-feira (5), no Fórum de Estreito, com a participação de servidores de Imperatriz, Açailândia, Amarante do Maranhão, Arame, Grajaú, Estreito, João Lisboa, Porto Franco, Montes Altos, São Pedro da Água Branca e Senador La Roque. No dia 6 (sexta-feira), participaram servidores do polo judicial de Balsas, lotados nas comarcas de Balsas, Alto Parnaíba, Carolina, Loreto, Riachão e São Raimundo das Mangabeiras.
O treinamento, apresentado pelas servidoras Thaís Muniz e Karliane Fontenele, orientou os servidores sobre os procedimentos teóricos e práticos para a digitalização de processos físicos, passando pela seleção dos autos; preparação de caixas; digitalização dos documentos; procedimentos de sistema e migração para o sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe). A migração permite que juízes, servidores, advogados e partes tenham acesso facilitado aos autos do processo judicial, com a realização de atos, despachos, pedidos e consultas por meio do sistema PJe.
A capacitação também aborda o projeto “Sou Amigo do Judiciário: quero digitalizar”, que permite a participação da classe dos advogados na digitalização de processos físicos, contribuindo voluntariamente com a virtualização repassando arquivos digitalizados de processos de seu interesse, para migração ao sistema PJe.
Para o juiz titular da 2ª Vara de Estreito, Carlos Sousa, a chegada do projeto na região demonstra uma visão de vanguarda do Judiciário estadual, com o fim de acelerar a entrega da prestação jurisdicional iniciada com a implantação do Processo Judicial Eletrônico (PJe), que resulta na redução de cursos e enxuga a máquina judiciária. “Esses dois dias de trabalho da equipe da Corregedoria serviram para mostrar o comprometimento de todos com o ideal de uma Justiça, que enfrenta dificuldades orçamentárias, na busca pela modernização e celeridade, sendo a prova de que o nosso Judiciário está crescendo de forma otimista”, avaliou.

CURSO
A capacitação está sendo levada pela Corregedoria a diversas comarcas, com o objetivo de ampliar o procedimento de virtualização dos processos físicos pelas unidades da Justiça de 1º Grau, para que sejam migrados e passem a tramitar exclusivamente por meio do sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe), conferindo maior agilidade e celeridade.
Até o momento, 99 comarcas de todo o estado já iniciaram a digitalização de processos físicos, sem custos para o Judiciário, totalizando mais de 25 mi processos virtualizados para o sistema PJe, onde passam a tramitar de fora exclusivamente eletrônica, conferindo facilidade de acesso e maior celeridade na tramitação, entre outras vantagens.
O projeto “Digitalizar Já” foi instituído pelo Poder Judiciário por meio das Portarias Conjuntas N° 15/2019 e N° 16/2019, assinadas pelo presidente do TJMA, desembargador José Joaquim Figueiredo dos Anjos, e pelo corregedor-geral da Justiça, desembargador Marcelo Carvalho Silva.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad