Manuel da Concórdia comemora admissão da jovem surda Rayane Raquel no quadro de servidores da prefeitura de Bacabal - Abel Carvalho

Matéria do Dia

O Projeto Novo Olhar "é fruto da boa política", declara Florêncio Neto, ao avaliar o mutirão que realizou 700 cirurgias em Bacabal

"É o caminho que faz a política valer a pena. Muitas vezes você se pega desacreditado da politica, mas, quando você consegue realizar u...

Manuel da Concórdia comemora admissão da jovem surda Rayane Raquel no quadro de servidores da prefeitura de Bacabal

Share This
Com redação de Wanderson Ricardo e fotos de Cléber Lima - O vereador presidente da câmara de Bacabal, Manuel da Concórdia (PDT), publicou em suas redes sociais a visita que recebeu da jovem surda, universitária e, agora servidora da prefeitura de Bacabal, Rayane Raquel, e, de sua mãe, Fátima Silveira.
Concórdia, que já mantém um vínculo de amizade com a família e conhece o histórico de conquistas da jovem bacabalense, que é uma inspiração; recebeu com entusiasmo a notícia de que o município de Bacabal, por meio da secretaria municipal de educação (Semed), agora dispõe da uma servidora com deficiência auditiva para somar nos trabalhos de formação e ensino na educação inclusiva.
“Recebi a visita da Rayane, e da sua mãe, Fatima. Rayane é a primeira servidora surda a fazer parte dos quadros de funcionários do município de Bacabal. O município de Bacabal deu um passo importante na inclusão social. Rayane e sua mãe fizeram questão de agradecer através de uma vídeo chamada ao prefeito Edvan Brandão por ter tido a sensibilidade e também por fazer história sendo o primeiro prefeito a incluir uma pessoa surda como servidora do município”, escreveu Manuel da Concórdia em suas redes sociais.

26 de setembro - Dia Nacional dos Surdos
O parlamentar ainda aproveitou para destacar o dia 26 de setembro, como sendo o Dia Nacional dos Surdos, que tem como objetivo promover a reflexão e o debate a respeito dos direitos e da luta pela inclusão de pessoas surdas na sociedade.
Segundo dados de IBGE, há 10,7 milhões de surdas/os no Brasil. Entre elas/es, há diversidade quanto ao grau da perda auditiva - desde leve até profunda - como também à idade, sendo que 9% delas/es nascem surdas/os e que a maioria tem perda de audição ao longo da vida.
Assim, não são todas as pessoas surdas que lutam pela mesma causa, pelo mesmo direito e pela mesma vontade. Há aquelas que se expressam em Libras; as que são bilíngues; as que são oralizadas, utilizando algum recurso tecnológico auditivo amplificador; as que são surdacegas, entre outras diferenças.
Portanto, em todos os anos, o Dia Nacional dos Surdos, reconhecido pela Lei federal nº 11.796 de 2008, é um dos momentos para incentivar a conscientização e o fortalecimento das lutas da comunidade surda, enfrentando o desmonte e fragilização de políticas públicas, como a educação bilíngue para surdas/os, atendimento de profissionais de saúde em Libras às pessoas surdas, e a orientação às famílias de crianças recém-diagnosticadas com perda auditiva quanto à importância da aquisição da Libras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad